Páginas

Loading...

Sistema Esquelético

O esqueleto é, sem dúvida, um dos aspectos mais importante de tudo que nos cerca, pois confere resistência e formato a maioria das coisas. É formado por um conjunto de ossos e cartilagens que formam o arcabouço do corpo, onde suas principais funções são: proteção, sustentação e conformação; armazenamento de íons de cálcio e fósforo; sistema de alavancas que permitem os movimentos; produção de determinadas células do sangue (hematopoiese).
Os ossos são órgãos rígidos, esbranquiçados, constituídos por tecido conjuntivo mineralizado que reunidos entre si participam na formação do esqueleto e possuem nervos e vasos sangüíneos.
Os Ossos podem ser:
- Longos: possuem um comprimento maior que a largura e a espessura, como o fêmur;
- Alongados: possuem o comprimento maior que a largura e a espessura, porém são achatados ântero-posteriormente, como as costelas;
- Largos, laminares ou chatos: possuem largura e comprimento maiores que a espessura, como a escápula;
- Curtos: possuem as três dimensões de tamanho aproximado, como o calcâneo;
- Pneumáticos: possuem cavidades como o esfenóide.
Características do esqueleto
O esqueleto é dividido em cabeça, tronco e membros. A cabeça, dividida em crânio e face tem um total de 22 ossos. O tronco é formado pela coluna vertebral que é composta por 33 vértebras, separadas por discos cartilaginosos, pelos 12 pares de costelas em forma de arco e pelo esterno, que é um osso único, longo, situado na região anterior do tórax e dividido em três partes: manúbrio, corpo do esterno e processo xifóide. Os membros podem ser superiores e inferiores.
Segundo a disposição topográfica os ossos podem ser divididos em Axiais (formam o eixo principal do corpo – cabeça, pescoço e tronco) e Apendiculares (são os que formam o apêndice do corpo – membros superiores e inferiores).
A arquitetura óssea pode ser compacta (são áreas dos ossos constituídas por uma série de lamelas concêntricas que apresentam canas em seu interior, dando resistência aos ossos), esponjosa (são áreas nos ossos constituídos de traves ósseas dispostas em forma de rede, conferindo certa elasticidade aos mesmos), periósteo (é o tecido conjuntivo que envolve o osso externamente, com exceção das superfícies articulares), endósteo (é a camada de tecido conjuntivo que reveste o canal medular do osso) e medula óssea (é o tecido conjuntivo situado dentro dos ossos capaz de produzir células sanguíneas).
OSSOS DO CRÂNEO

OSSOS DO TRONCO

OSSOS DA COLUNA





OSSOS DOS MEMBROS SUPERIORES

OSSOS DOS MEMBROS INFERIORES